• Francielle Arruda

Utilização do eucalipto tratado na construção civil

Atualizado: Jun 10

A partir do momento que o homem tomou consciência do quão vasto seria o emprego dos materiais existentes na natureza, sem dúvidas houve um grande avanço. A madeira como matéria-prima sempre esteve presente na vida do ser humano de alguma forma, passou por diversas etapas de transformação, desde da arte de trabalhar a madeira de uma forma manual e primitiva até a vasta e engenhosa indústria moderna, graças ao desenvolvimento de novas tecnologias possibilitando abusar do potencial de criatividade e imaginação.

Existem muitas vantagens em se utilizar a madeira como matéria-prima base para a construção civil, entre elas, pode-se destacar a grande versatilidade, durabilidade, baixo consumo energético para produção de produtos e derivados, ótima relação peso x resistência mecânica, o poste de concreto pesa em média 3x mais que um poste de madeira, além possibilitar grandes construções rápidas, limpas e de fácil manuseio quando comparada a outros sistemas construtivos.


O cultivo em larga escala do eucalipto ocorreu no ano de 1903, no interior do estado de São Paulo, até então, a principal finalidade do cultivo era a produção de lenha. Com o passar do tempo, percebeu-se a importância dos estudos relacionados ao emprego dessa espécie em outros setores e como poderia contribuir e agregar valor como por exemplo para beneficiamento em serrarias, indústria de painéis, produção de polpas celulósicas, lenha, moirões, dormentes, carvão vegetal até o emprego em usos mais nobres como a fabricação de casas, móveis e estruturas na construção civil.


Vale ressaltar que atualmente existem diversas espécies de madeira do gênero Eucalyptus, com propriedades físicas e químicas diversas, além do campo de utilização.


As florestas de eucalipto desempenham hoje um papel de extrema importância na economia do Brasil e também na economia mundial, o mercado para madeiras provenientes do reflorestamento apresenta grande potencial de expansão conforme os anos avançam.

A construção civil é o segundo setor que mais consome madeira atualmente, independente da utilização, uma coisa é certa, e quando realizada da maneira adequada, além de elevar e agregar valor à madeira em si traz uma série de benefícios: o tratamento.

Você pode estar se perguntando o motivo pelo qual os tratamentos da madeira podem agregar valor a esse material, pois bem, muito se sabe, que a madeira passa por vários processos até chegar ao seu emprego final e quando não se prevê determinadas utilizações com um tratamento específico você infelizmente poderá comprometer todo ecossistema, como por exemplo, se a madeira fica exposta por muito tempo a fatores climáticos, as chances de agentes deterioradores atacarem é muito grande, podendo comprometer toda estrutura, seja ele um deck ou até mesmo um playground exposto. Já pensou em estruturas feitas com madeira, como é o caso de diversos sistemas construtivos, e qual o impacto negativo que isso poderia causar e pior, comprometer a integridade física de seus clientes?



A qualidade do produto final depende de diversos e diferentes fatores, que, compõem o todo, onde de fato, a grande maioria dos problemas relacionados a madeira podem ser solucionados através de um diagnóstico correto, aliado de um bom planejamento, matéria-prima e utilização de um agente preservativo adequado, garantindo assim uma série de benefícios e por consequência, inibindo a ação dos organismos xilófagos e garantindo melhores condições de vida à madeira em questão.


Tem interesse em conhecer mais sobre o processo de tratamento de madeira, e como funciona esse processo? Entre em contato conosco pelo nosso site. A PROMAD Jr terá um imenso prazer em fazer um diagnóstico gratuito a respeito desse serviço com você.

1,561 visualizações0 comentário
Encontre a solução que você procura!
DIAGNÓSTICO GRATUITO

Estamos a disposição para tirar qualquer tipo de dúvida e conversar com você.  Caso queira ter uma opinião sincera sobre o seu negócio clique abaixo: