• Ingrid Nogami

Startups: entenda como funcionam!


O termo startups tem sido cada vez mais utilizado no mundo dos negócios e possui diversas definições, sendo a mais atual: “empresas de base tecnológica, com um modelo de negócios repetível e escalável, trabalhando em condições de extrema incerteza”.

Essa definição pode ser melhor explicada através dos seguintes conceitos:

  • Condições de incerteza: não há como ter certeza se aquela ideia ou projeto de empresa irão de fato dar certo, visto que há altos riscos no seu desenvolvimento. Ao mesmo tempo que há a probabilidade de uma empresa ter uma vida muito curta, também há a possibilidade de crescer rapidamente e se tornar uma empresa altamente consolidada no mercado. Sendo assim, estão inseridas em ecossistemas complemente incertos.

  • O modelo de negócios é o modo que a startup gera valor: a empresa gera valor através da busca de problemas e necessidades específicas das pessoas, encontrando soluções para elas.

  • Ser repetível: a empresa tem que ter a capacidade de entregar o mesmo produto em escala ilimitada, sem grandes personalizações ou adaptações para cada consumidor. Para melhor explicar esse conceito, temos o seguinte exemplo: no modo tradicional de vendas de filmes, não é possível vender a mesma unidade de DVD para diferentes clientes, pois é necessário fabricar cada cópia, uma por uma. Em contraste, com o modelo pay-per-view, o mesmo filme é distribuído a qualquer cliente, sem que a sua disponibilidade seja afetada, podendo, dessa forma, ser distribuído ilimitadamente.

  • Ser escalável: é o principal ponto de uma startup, pois implica em crescer cada vez mais, sem que isso influencie no modelo de negócios. Crescer em receita e fazer com que os custos cresçam de forma muito mais lenta. Isso trará alto crescimento em um curto período de tempo.

Na maioria das vezes, essas empresas são criadas por um grupo de pessoas com interesses em comum. Muitos são universitários que possuem uma ideia visionária e decidem investir para colocá-la em prática. Porém, como esses estudantes geralmente ainda não possuem capital para investir no novo negócio, muitas procuram investidores e tentam convencê-los que colocar a ideia em prática é um excelente investimento.

Muitas das grandes empresas que são conhecidas mundialmente começaram desta forma, como um modelo de startup, e apresentaram grande sucesso rapidamente, concretizando-se no mercado. Alguns exemplos dessas empresas: Twitter, Instagram, Google, Buscapé, MaxMilhas, Descomplica, Facebook, Uber, Airbnb, Slack, entre muitas outras.

Um aspecto válido a ressaltar, é que nem todas as startups são exclusivas da área da tecnologia, como a maioria citada anteriormente, podendo estar relacionadas a áreas como a de agronomia, comércio e serviços.

As empresas, de forma geral, cada vez mais necessitam adaptar-se as constantes mudanças mercadológicas. Além disso, as soluções inovadoras quando unidas a ferramentas apropriadas, são as que mais apresentam sucesso entre os consumidores. Por essas razões as startups vêm crescendo no mercado atual e possuem um grande potencial de desenvolvimento em diversos nichos de atuação, até nos mais tradicionais.


0 visualização
Encontre a solução que você procura!

Venha fazer parte da nossa rede de e-mails!

 

Passe a receber um conteúdo exclusivo e que tem tudo a ver com você!
 

DIAGNÓSTICO GRATUITO

Estamos a disposição para tirar qualquer tipo de dúvida e conversar com você.  Caso queira ter uma opinião sincera sobre o seu negócio clique abaixo:

PROMAD Jr. - Consultoria e Projetos

  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon
  • Preto Ícone LinkedIn

Rua Geraldo Alckmin, 519,

Vila N. Srª. de Fátima -Itapeva, SP